Na última semana fiz um tour por Xangai e, quem segue o blog nas redes sociais, pôde acompanhar tudo por lá {não acompanha ainda? segue no Insta @ChinaChic e Snap ChinaChic8}. Já é o terceiro tour que faço pela cidade e sempre amo. Xangai é a maior cidade da China e um dos lugares mais diferentes que ja visitei na vida, é única. Tem paisagens gostosas de ser ver como o Rio de Janeiro e é tão urbana e cheia de coisas para se fazer quanto São Paulo. No primeiro post (de muitos que pretendo fazer) sobre a cidade, vou falar sobre os lugares must-see. Acho importante situar o leitor/turista sobre o lugar e o que tem pra fazer.

Minha região preferida é o The Bund, o símbolo da era colonial. De um lado da avenida ZhongShan Lu estão os prédios construídos a séculos atrás, no estilo neoclássico, e que hoje foram transformados em hotéis, bancos e trading houses – a maioria com bar/restaurante no rooftop, que proporciona um belo visual do rio Huangpu e da Pearl Tower.the bund noite linda xangai china

E do outro lado da avenida está o calçadão que recebe uma multidão de turistas por dia, querendo ver e fotografar a Pearl Tower e os prédios altissímos de Pudong. A torre de TV é a sexta mais alta do mundo e principal highlight de Xangai (acho até que é o principal cartão postal da China). A pedida é esperar pelo pôr do sol saboreando um delicioso drink em algum dos bares e admirar as luzes da Pearl Tower se acender ao escurecer. Ela fica ainda mais linda iluminada, piscando e mudando de cor. Eu sempre fico encantada!

shanghai the bund vista pudong pearl tower

drink happy hour the bund restaurante Pop

Em frente ao The Bund, do outro lado do rio Huangpu fica Pudong, onde estão os prédios mais altos e novos da cidade e onde fica também a Pearl Tower. Você pode subir nela, mas sugiro subir até o observatório do Shanghai World Financial Center, um dos prédios mais altos do mundo (o que parece um abridor de garrafa de cerveja) e de lá apreciar a torre e o resto da cidade.

Pearl tower Torre de Perola TV Pudong Xangai

Alguns metros de distância da região do The Bund fica a Old Town. E como o nome já diz, é a parte antiga de Xangai, super conservada. E isso é o que mais me fascina nessa cidade: uma zona antiga e reformada, como o The Bund, que agrega os melhores restaurantes, hotéis e boutiques, ao lado da tradicional e antiga verdadeira China, com construções criadas e mantidas desde o século XVI. É aqui que fica o famoso YuYuan Garden.yuyuan garden jardim china lago

Yuyuan Garden Xangai China

Para fazer compras, opções é o que não faltam, mas eu gosto e indico a Nanjing Lu (Lu = Rua, em chinês). A Nanjing East é pertinho do The Bund e tem de tudo, desde lojas caras a marcas fastfashion. Já na Nanjing West ficam concentrados os shoppings com lojas mais tops, grifes e é onde você pode apreciar, com muito brilho nos olhos, as vitrines de Gucci, Prada, Louis Vuitton e muuuitas outras.

nanjing compras em xangai - Zara, Forever 21, HM

E não dá para deixar de conhecer Xintian Di, que é outro bairro que adoro, principalmente para nightlife. É super descolado, com várias opções de restaurantes, bares e cafés moderninhos. Nem parece China e acho que por isso, muitos expatriados escolhem esse local para morar. Tem o bar da Paulaner que é sempre bem animado (a comida e a bebida são ótimas), entre tantos outros. Vale a pena visitar o bairro durante o dia também, para um agradável stroll nas ruelas de pedra.

Ruas pedra bairro Xintian di Xangai

Fonte rua pedestres Xintian Di

Em Xangai, você consegue ir a qualquer lugar de metrô ou táxi, que é muito barato. Para me guiar no metrô eu uso o aplicativo Shanghai Metro Map and Route Planner, é free. O app Shanghai Taxi Guide também é bem útil. Ele traduz, do inglês para o mandarim, o endereço do lugar que pretende ir, para mostrar ao taxista.

Xangai é realmente demais! Me divirto muito a cada vez que eu vou. São várias dicas para compartilhar e vou postando aos poucos. Se você gostou ou quer mais dicas, deixe seu comentário!