Quem acompanha o blog pelas redes sociais {insta @evelynpinheiro | Face @Chinachicblog} pôde viajar comigo pela Tailândia nesses últimos dias. E agora chegou a hora de compartilhar aqui as minhas experiências e dicas desse lugar MA-RA-VI-LHO-SO!

Para início de conversa, é muito importante montar um roteiro de viagem. O país é grande e tem diversas opções de ilhas, praias maravilhosas e atrações em geral, então é legal você ter em mente o que deseja conhecer.

mapa tailandia bangkok ilhas praias

Se você quer saber mais sobre a cultura, religião, templos e a vida do povo tailândes vá para Bangkok e Chiang Mai (norte). Mas não tem como ir à Tailândia e não visitar suas praias paradisíacas. Antes de definirmos para onde iríamos, decidimos eliminar Pukhet das opções. O destino é super famoso e extremamente turístico, por isso, as praias já perderam um pouco da sua beleza natural. Além do mais, li em vários lugares que lá rola muita exploração sexual (não com os turistas, quero dizer, mas ver meninas e mulheres se oferecendo não estavam nos meus planos para as férias). Mas se você pretende passar dias relaxando em um resort de luxo de frente para a praia, sem se preocupar com a vida, Phuket tem inúmeras opções.

Em uma trip de 15 dias, queria conhecer as praias situadas no Golfo da Tailândia (parte leste) e as do Oceano Indíco (parte oeste) e deu certo. A locomoção pode ser um pouco cansativa e demorada, pois na ilha do leste, onde ficamos, ainda não tem aeroporto. Nos restou usar barco, ônibus e van como meio de locomoção. Perdemos algumas boas horas nesse vai e vem, mas valeu muito a pena.

Nosso voo partiu de Xiamen direto para Bangkok. Ficamos três noites na capital e foi suficiente para conhecer os principais templos, o Rio e outros pontos turísticos, fazer compras, ir a bons restaurantes e curtir um pouco do lifestyle da cidade. Escolher onde ficar hospedado em Bangkok é uma tarefa bem difícil, pois são inúmeras opções, por preços bem atrativos (a parte de hospedagem fica para o próximo post).

bangkok templo wat rio chao phraya

De Bangkok decidimos ir para o leste, onde ficam as ilhas Koh Samui, Koh Pha Ngan e Koh Tao. Aproveitando que era época de lua cheia, escolhemos ir para Koh Pha Ngan, onde acontece a Full Moon Party – a famosa festa da lua cheia sediada todo mês na beira da praia de Hat Rin. A ilha é bonita e foi legal ter tido a experiência de ir nessa festa, mas se você não é muito chegado a agito e muita galera, dê preferência a Koh Samui ou Koh Tao. Dizem que a paisagem de ambas as ilhas são de tirar o fôlego. Koh Tao é a mais sossegada e considerada o melhor spot para mergulho e snorkelling. Se tiver tempo, é tranquilo passar pelas três ilhas. Elas ficam, relativamente, próximas e há barcos de alta velocidade que fazem o transporte de  uma ilha a outra, várias vezes ao dia. Vi muita gente que deixa suas malas no hotel de uma ilha e leva só o necessário para passar um ou dois dias na ilha vizinha.

koh phangan por do sol mar barco

Bom, para chegarmos a Koh Pha Ngan pegamos um voo da Nok Air para Sarat Thani. No aeroporto já havia um ônibus esperando os passageiros para levar até o porto de Donsak (a viagem dura cerca de uma hora e meia). No porto pegamos o catamarã para as ilhas. Tempo total até chegar em Koh Pha Ngan: em torno de 6 horas. Que eu saiba, a única outra maneira de chegar às ilhas do leste é pegar um voo para Koh Samui, que tem aeroporto, mas não sei a frequencia dos voos. No meu caso, eu comprei a passagem online pelo site da Nok Air (Air Asia também tem) e vem todos os transfers incluídos (na verdade, achei que estivesse comprando a passagem aérea direto para Ko Samui, mas quando recebi o email de confirmação vi que era outro itinerário). Não é preciso se preocupar com atrasos de voos ou ônibus (sim, isso acontece), pois todos os transportes são interligados.

lomprayah catamara

De Koh Pha Ngan fomos para Krabi, no lado oeste da Tailândia. Krabi é uma região que abrange várias praias e ilhas paradisíacas, como Koh Phi Phi e Railay. Você pode chegar em Krabi de avião, mas como estavámos no leste, onde não tem aeroporto, nos sobrou mais uma aventura de deslocamento. Dessa vez fizemos tudo pela Lomprayah High Speed Catamaran.

Pegamos o mesmo catamarã até o pier de Donsak, onde um ônibus nos esperava para nos levar até Krabi. E no pier de Krabi pegaríamos um long tail (um barco pequeno de madeira, super comum na Thai) até Railay, a praia maravilhosa onde ficaríamos hospedados. O que a empresa não nos falou é que iríamos parar na sede e esperar por uma van, que então nos levaria ao pier. Por isso, a viagem atrasou duas horas e a trip que era para demorar 4 horas, demorou seis. Confesso que achei a empresa bem desorganizada. Não sei se era porque era fim de ano, muitos turistas, mas me pareceu que eles não tinham controle sobre a quantidade de pessoas que iriam para cada destino e nem vans e ônibus suficientes para atender a todos. Não sei se há outra empresa além da Lomprayah que faça esses trâmites, mas dá para comprar passagem deles sem medo. Não tivemos grandes problemas, apenas atrasos.

transporte barco tailandia long tail

Railay é simplesmente demais e eu não poderia ter escolhido destino melhor dentro da Tailândia. O lugar mais parece uma ilha, pois só é possível chegar de barco, mas na verdade é uma península de Krabi. Railay é pequena, sossega e só se anda a pé. Destino ideal para casais, especialmente em Lua de Mel. Phra Nang Beach, a praia do sudeste, é uma das mais lindas que já vi e na praia do oeste acontece o pôr do sol mais mágico do mundo. A região ainda é considerada o paraíso dos escaladores. Se você gosta de tranquilidade, belas paisagens ou está viajando com a família, esse é o lugar perfeito!

phra nang praia railay krabi tailandia

Railay por do sol mar barco krabi tailandia

Três dias em Railay são mais do que suficientes para conhecer tudo. Na verdade em um dia você conhece toda a região, mas como queríamos aproveitar, curtir praia e relaxar, ficamos mais tempo. De Railay fomos para Phi Phi Don. Essa etapa foi fácil. A passagem de barco Railay- Phi Phi compramos no hotel um dia antes. A trip durou uma hora e meia, se não me engano.

Phi Phi Don é uma ilha onde você se locomove a pé ou de long tail, mas é bem maior que Railay. Ficamos três dias e meio na ilha, que eu acho pouco para conhecer todo ela, considerando que passamos uma manhã inteira e boa parte da tarde fazendo passeio de barco pelas ilhas próximas. Aliás, o passeio de barco para Phi Phi Ley é imperdível! É nesta ilha que fica Maya Bay (do filme A Praia, com Leo Di Caprio), Loh Samah Bay e tantos outros cenários de tirar o fôlego. O passeio ainda inclui uma passada na Viking Cave e na Monkey Beach, a praia dos macacos. Se puder, dê uma esticada até Bamboo Island, a paisagem é linda e a água do mar é incrivelmente cristalina.

passeio de barco phi phi ilha krabi tailandia

Phi Phi é bem democrática, com agito o dia inteiro na região central e na praia Loh Dalum Bay e muita tranquilidade e relax em Long Beach. Ou seja, tanto faz se você procura festa ou um lugar calmo para curtir as férias, Koh Phi Phi tem para todos os estilos. Eu fiquei hospedada em Ton Sai Bay, uma praia calma, pertinho do Pier central e a menos de 10 minutos de caminhada do centro da ilha.

Estes foram os destinos que eu escolhi para visitar na Tailândia, mas na parte oeste você ainda tem a opção de ir para Ao Phang-Nga, Ko Lanta, Ko Lipe e Ilhas Trang, que segundo nosso guia Lonely Planet, é a TOP 1 da Thai. Já as praias do norte, Ko Kut e Prachuap Khiri Khan, são conhecidas por serem extremamente calmas.

IMPORTANTE: brasileiros não precisam de visto para entrar no país, mas precisam levar a carteira internacional de vacinação com a vacina da febre amarela. Eles costumam pedir no aeroporto. Se chegar no aeroporto de Bangkok, vá direto ao Healthy Control. Nós não sabíamos, perdemos tempo na fila da Imigração (bem longa, por sinal) e quando chegou nossa vez, nos pediram para ir ao Healthy Control primeiro… paciência.

Por último, a minha dica é pensar bem no que você deseja da sua viagem à Tailândia e pesquisar o melhor lugar para satisfazer seu desejo. Mas já adianto, esse país é demais e com certeza, você vai amar qualquer destino que escolher!