Enquanto no Brasil é hora de pular carnaval, aqui na China, o povo comemora o Ano Novo Chinês. Época do ano em que acontece o maior movimento de migração da face da terra. Sim, pois estamos falando do maior feriado do país mais populoso do mundo: a China!

chinese new year 2016 china

A data do Ano Novo Chinês muda a cada ano, pois é baseado no calendário lunar. Desta vez, o Ano Novo será comemorado no dia 07 de fevereiro, mas o feriado (estipulado pelo governo) começa no dia seis e dura uma semana, até 13 de fevereiro. A virada de ano sempre cai na segunda lua nova após o solstício de inverno, na chegada da primavera. E por isso o feriado de Xīn Nián, 新年 (xīn – novo; nián – ano) é também chamado de Chūn Jié, 春节 ou Festival da Primavera. O dia do Ano Novo é chamado de Guo Nián, 过年, que, em mandarim, pode significar “celebrar o ano” ou “superar o monstro”. A palavra “nián”, além de significar ano, é também o nome do monstro que deu origem à essa celebração. É isso mesmo, monstro!

A história é a de que há centenas de séculos passados, havia um monstro chamado Nián. Ele morava no fundo do mar durante o ano inteiro e só saía de baixo d’água na véspera de Ano Novo, para caçar pessoas e animais das aldeias vizinhas. Então, o povo se escondia nas montanhas, enquanto o monstro destruía as aldeias. Certa vez, um velho de cabelos brancos chegou a aldeia e se negou a subir para as montanhas. Ao invés disso, ele enfeitou a aldeia com papéis vermelhos nas portas, vestiu roupas da mesma cor, acendeu velas nas casas e preparou pedaços de bambu para fazer estalos (como se fossem fogos de artifícios). E sabe o que aconteceu? O monstro não apareceu. Por isso, até os dias de hoje essas tradições são mantidas. E enfeitar as portas com mensagens e desenhos em papel vermelho, pendurar lanternas e soltar fogos de artifícios são maneiras bem comuns de comemorar o Ano Novo. Aliás, são costumes, praticamente, obrigatórios para quem deseja um ano novo de muita sorte, segundo acreditam os chineses.

cultura chinesa ano novo vermelho lanternas luzes

Ano novo china fogos de artificio

 

Mas as superstições não param por aqui. Basta você pesquisar um pouco sobre o assunto, que vai encontrar inúmeros tabus do que pode e não pode fazer durante o Ano Novo Chinês e fica difícil saber exatamente quais costumes ainda estão em voga e quais já se perderam com o passar dos séculos. Mas vou citar mais alguns que ouvi dos próprios chineses, ou seja, são mantidos e seguidos a risca até os dias de hoje:

• Roupas

É totalmente inadmissível usar roupas brancas na noite de Ano Novo, porque o branco atrai fantasmas. A cor mais indicada é, claro, o vermelho. O vermelho é uma cor viva, que traz sorte e fortuna.

detalhe flor vestido vermelho delicado

• Limpar a casa

A casa pode ser varrida e limpa um dia antes do Ano Novo ou somente depois que termina o feriado, é até sugerido fazer isso, para varrer para fora as coisas ruins. Já limpar a casa durante o feriado de Ano Novo não pode, pois leva embora as boas energias trazidas pelo novo ano.

• Desejos

No primeiro dia do ano, é importante desejar aos familiares: Gōngxǐ gōngxǐ (Parabéns) ou; Xīnnián kuàilè (Feliz Ano Novo) ou; Gōngxǐ fācái (desejo fortuna). São sinais de sorte.

• Evitar costumes que trazem azar

Falar palavras com sentido ruim, chorar, quebrar louças e lavar o cabelo (?) são sinais de má sorte. Lavar o cabelo tem o mesmo significado que varrer o chão, leva embora as coisas boas trazidas pelo ano novo.

• Jantar da véspera

Uma das coisas mais importantes na noite de Ano Novo é a comida. Os chineses que moram fora de sua cidade natal, costumam retornar para casa nesta data e é hora de reunir a família na mesa e fazer uma grande refeição. Não pode faltar dumplings, que em português chamamos de guioza, peixe e nem vinho. Comer estes alimentos é mais do que uma tradição, é superstição. A guioza, por ter o formato de antigas peças de ouro e prata, traz fortuna. O peixe, que em mandarim é “yu” tem a mesma pronúncia que prosperidade, portanto, traz prosperidade. E vinho, que é “jiu”, tem o mesmo som que longevidade.  E próximo da virada de ano e nos dias seguintes, é hora de soltar os fogos de artifícios. Mas não são quaisquer fogos, não. Quanto maior a quantidade e quanto mais bonitos os fogos, mais sorte e fortuna para quem os soltou.

Bom, estes são apenas algumas superstições, dentre tantas. Chinês é um povo que leva a sério as tradições e, além de serem várias superstições, estas são bem intensas. Ah, é importante citar que, cada ano corresponde a um animal. O ano de 2015 foi o da ovelha e 2016 será o ano do macaco. Mas esse assunto eu deixo para o próximo post…