Hoje, três meses do dia da minha festa de casamento, estava revendo as fotos e resolvi compartilhar aqui sobre um assunto bem pessoal e especial – A ESCOLHA DO MEU VESTIDO DE NOIVA. Afinal, eu amei, muita gente amou e foi MADE IN CHINA.

Olha, vocês não sabem quanta gente ficou surpresa quando contei que mandei fazer meu vestido na China… Na verdade, eu vi diversos vestidos para alugar no Brasil e além de serem caros (os que mais gostei variavam de R$ 6mil a R$ 9 mil o valor do aluguel!), não me apaixonei por nenhum que provei. E como eu já tinha uma ideia bem clara do modelo de vestido de noiva que eu queria seria melhor mandar fazer. Como eu passo mais tempo na China do que Brasil, ficaria complicado mandar fazer um vestido no Brasil e acompanhar tudo de tão longe. Então eu pensei: por que não mandar fazer o vestido de noiva na China?

Acho que já está mais do que na hora de acabar com essa premissa de que tudo que é feito na China é de má qualidade. Até porque aquela bolsa que você pagou caríssimo ou a camiseta de marca que você comprou em Nova Iorque, podem muito bem terem sido produzidas na China.

Por aqui existem milhares de costureiras especializadas em vestidos de festas e de noivas. Nem todas são boas, claro e eu pesquisei muito, perguntei muito, pois sabia que precisava de alguém que pudesse confiar tanto na qualidade do serviço e mão de obra quanto na qualidade do material, comprometimento, prazo de entrega, etc.. São vários fatores a se analisar antes de escolher o responsável por confeccionar o modelito mais especial da sua vida.

Uma amiga que trabalha no ramo de roupas e já mora há muitos anos na China, me indicou um ateliê de noivas em Hangzhou. Entrei em contato com a dona, uma chinesa muito querida e simpática chamada Vivi, peguei um voo para Hangzhou e fui conhecer o ateliê. Claro que a maioria dos vestidos prontos que ela tinha eram bem no estilo chinês – muito tule, saia rodada cheia de camadas e até alguns modelos em vermelho, já que faz parte da tradição chinesa as mulheres se casarem de vermelho. Nada do meu agrado, mas eu já sabia que iria mandar fazer o vestido do jeito que eu imaginava.

Desde o início das pesquisas, já imaginava um modelo de vestido de noiva justo. E como estávamos planejando um casamento moderno e na praia, o modelo sereia seria perfeito para a ocasião e também para meu tipo de corpo, mignon. E tinha que ter um decote bem profundo nas costas. Acho lindo para as magrinhas e levemente sensual.

Depois de explicar como gostaria e mostrar algumas fotos, a Vivi fez um esboço do vestido e me deu algumas dicas do que podíamos mudar, para deixa-lo mais bonito e confortável. Achei ótimo que ela foi super sincera, mostrou que tinha bastante conhecimento no assunto e assim, me passou confiança. Pois além da barreira dos costumes e do idioma, afinal ela é uma chinesa e fala um inglês razoável, ela conseguiu captar minhas ideias e nos entendemos bem.

Minha outra exigência era usar renda. Amo vestido de noiva rendado e sempre sonhei com o meu assim. Ela me mostrou algumas rendas taiwanesas e além disso, eu tinha a opção de usar renda italiana ou francesa, o vestido ficaria quase o dobro do preço, mas mesmo assim sairia mais barato do que mandar fazer um vestido de mesmo nível no Brasil. Só consegui ver as rendas italianas e francesas por foto e foi difícil decidir por uma. Quando finalmente decidi, não teria mais tempo hábil para mandar a renda da Europa e confeccionar o vestido, então acabei optando por usar só rendas taiwanesas. E para falar a verdade, eu amei as rendas. As rendas de Taiwan são conhecidas pela boa qualidade, tão boas quanto a renda francesa, leves e com toque macio. Algumas partes da renda não foram costuradas no vestido, para dar um leve efeito 3D, em alta no universo dos casamentos atualmente.

No mais, ela usou três camadas de tule transparente no corpo do vestido e apenas duas na cauda, pois queria uma cauda leve e esvoaçante. A transparência é uma tendência de moda super atual e como o casamento seria durante o dia e na praia, teria tudo a ver. No dia, usei um shortinho justo de cintura alta cor da pele, para não mostrar demais. E um dos tecidos tinha um fundo de tela, o que eu achei que deu um detalhe a mais e super remete ao estilo praiano. Sobre a cauda, pedi que não fosse tão longa, pois iria usar véu na hora da cerimônia e cauda muito longa atrapalha para dançar. Na festa, prendi a cauda no vestido para aproveitar e dançar muito sem qualquer preocupação de pisarem nela. A cauda foi presa com botões transparentes que ela costurou no vestido, quase impossíveis de enxergar.

Para dar o toque final, ela usou pequenas miçangas transparentes e pérolas por cima da renda. As pérolas ficaram um charme e tem tuuuudo a ver com o clima praia, mar, romance… E ainda usei um cinto delicado para marcar a cintura e deixar a silhueta bem feminina. A renda e as pérolas dão um toque romântico ao estilo mais sexy do modelo sereia decotado. Achei na medida perfeita para meu tipo de corpo.

Para não dizer que foi tudo perfeito, no meio do caminho tivemos alguns contratempos, o vestido era como eu havia passado pra ela, mas não tinha ficado bem no meu corpo, então ela fez um novinho com todas as alterações que eu pedi. No dia da ultima prova fiquei super aliviada, estava perfeito, como eu queria. E no dia do casamento, me senti linda e muita confortável com ele.

20161105EvelynRoro_0831

IMG_0119

20161105EvelynRoro_1800

20161105EvelynRoro_2729

20161105EvelynRoro_4465

20161105EvelynRoro_4188

Bom, mas para as noivas que pensam em encomendar vestido da China, eu sugiro pesquisar bem, entrar em contato com o vendedor, perguntar sobre a qualidade do material, do tecido usado e a procedência da renda, caso tenha. As rendas chinesas costumam ser mais duras e pouco maleáveis, não se moldam no corpo. Também já vi muito vestido costurado de qualquer jeito e até manchado. Nem sempre dá pra confiar nas fotos postadas pela loja em questão, pois as vezes eles copiam o modelo de alguma marca famosa ou de alguma celebridade e divulgam fotos não autorais como se fossem deles. O modelo pode ser lindo, mas a qualidade nem tanto, por isso fique atenta. E independente se for mandar fazer o vestido de noiva na China ou em qualquer outro lugar do mundo, acho importante ter em mente o modelo que deseja, o que ficará melhor no seu tipo de corpo, pois além de se sentir linda, tem que se sentir confortável, segura e de bem consigo mesma. Afinal, esse é o SEU DIA DE ARRASAR!

Quem tiver interesse (e algumas meninas já entraram em contato comigo perguntando) vou deixar o contato do ateliê da Vivi. Ela confecciona o vestido a distância, manda fotos a cada etapa de produção e quando pronto envia para o seu endereço, inclusive no Brasil.

V2 Wedding Dress Hangzhou | WeChat ID: oranpooh (Vivi). Ps: tem várias fotos do trabalho dela no wechat e ela prometeu que vai fazer um insta, atualizo por aqui quando souber.

Essa foi a minha experiência com vestido de noiva da China e a sua?