01 fevereiro, 2017
A importância do Ano Novo para as famílias chinesas e o reencontro entre pais e filhos
Cultura, Curiosidades, LIFESTYLE

Bom, no próprio título do post já fica claro os dois assuntos que quero tratar nesse texto. Mas os que esses dois assuntos tem em comum? Na verdade, tem tudo a ver. 

Talvez muitos que estão de fora não compreendam a verdadeira importância desse feriado de Ano Novo para os chineses, também conhecido como Festival de Primavera. Eles esperam ansiosamente o ano inteiro por essa data. A China praticamente para: os restaurantes e lojas fecham, as empresas entram em recesso por alguns dias e a maioria da população se desloca. Ou seja, é o momento que os trabalhadores tem para descansar do trabalho puxado do ano inteiro. Mas mais importante do que isso, essa é a época do ano que eles conseguem reunir a família e rever os entes queridos. Pessoas importantes que, na maioria das vezes, moram muito longe.

familia chinesa tradição cultura ano novo

Isso porque, se você conversar com algum chinês que mora em cidade grande, como Beijing, Shanghai, Hangzhou, Chongqin, Xian, Guangzhou, Shenzhen e muitas outras, incluindo Xiamen, muito provavelmente ele não é dessa cidade, originalmente. 

A grande maioria da população que vive e trabalha nessas cidades desenvolvidas vem do interior. Eles vem para cá a procura de trabalho. A procura de dinheiro para sustentar a família, que mora no campo. Mãe, pai e até filhos. Porque na cultura chinesa funciona assim: enquanto os pais trabalham, as crianças são cuidadas pelos avós (paternos, geralmente) e se os pais tem que trabalhar em outra cidade, os filhos ficam com os avós na sua terra natal.

E aí entra a questão das crianças e jovens chineses serem conhecidos como egoístas. Uma porque são filhos único e outra por serem criados por avós, que na maioria das vezes não impõe limites e nem dão a atenção necessária que uma criança precisa (não é regra, mas acontece). 

Esses dias estava em um restaurante de Xiamen que costumo frequentar e a chinesa que sempre me atende sentiu-se confortável para desabafar comigo. Eu perguntei à ela se iria viajar no Ano Novo chinês e ela disse que iria para a cidade natal de seu marido, para ver sua filha de oito anos, que mora com os avós paternos. Infelizmente ela não poderia ver os seus pais, que moram em outra cidade. Afinal, ela precisava decidir entre a sua filha e os seus pais. 

Imagina, ela vê a filha apenas duas vezes por ano: uma no Ano Novo chinês e outra no feriado de Independência. E ela contou o quanto estava preocupada, pois a menina ia mal na escola e ninguém dava bola para a criança. Os avós cuidam dos outros netos que são mais novos (e homens!) e não dão muita atenção para a menina. Para nós pode ser uma surpresa saber que os pais só veem os filhos uma ou duas vezes ao ano, mas para os chineses isso é tão comum. Esse nosso papo me lembrou um trecho do livro Laoway, em que a Sônia Bridi relata o quanto ela ficou surpresa ao ver crianças soltas nas ruas do interior, sem qualquer supervisão de um adulto. (Aqui tem um review bem interessante desse livro, que por sinal, é ótimo). 

E a minha surpresa quando ela me perguntou: os ocidentais tem o costume de cuidar de seus próprios filhos, não é?! “É claro que nós cuidamos dos nossos próprios filhos, afinal, nós que escolhemos ter filhos e nós que colocamos eles no mundo” eu pensei na hora, mas a respondi apenas com um educado “sim”. 

Ela poderia trazer sua filha para morar em Xiamen, mas aqui as escolas públicas estão sem vagas e as particulares são caríssimas. Ela também poderia arranjar um emprego em Guangzhou (onde sua filha está) e morar lá, mas ela diz preferir o trabalho dela em Xiamen. Não há como julgar, mas enquanto ouço histórias assim, imagino o que eu ou qualquer outra pessoa criada na mesma cultura, faria em uma situação dessas. Para nós ocidentais é tão difícil pensar em colocar um filho no mundo e dar para outra pessoa criar, mesmo que sejam seus pais, mas na China ainda é muito comum os avós criarem os netos, muitas vezes longe dos pais. Alias, se você pesquisar no Google Imagens a frase “família chinesa” vão aparecer muitas fotos com um casal de idosos, um casal jovem e uma criança, pois os avós são parte muito presente no ambiente familiar. Sempre falo que adoro conhecer a cultura e as tradições deles e pensar em como podemos ser povos tão diferentes.

familia chinesa cultura ano novo chines

Assim como ela, já conheci outros chineses na mesma situação. Em um voo do Brasil para a China conversei com uma chinesa que morava no Brasil com o marido e tinha deixado os filhos na China. Quando perguntei porque, ela respondeu que a educação no Brasil era muito cara e que na China eles passavam o dia na escola e não era preciso se preocupar com alguém para cuida-los. Ela via os filhos a cada dois anos. Conseguem imaginar isso!? 

Quem tem melhores condições financeiras consegue trazer seus filhos e pais para morarem juntos no mesmo lar. No condomínio onde moro, todo dia vejo dezenas de avós cuidando dos netos, enquanto os pais trabalham, meus vizinhos de porta, inclusive. Mas no fim do dia, os pais estão de volta e podem curtir os filhos e dar a atenção que as crianças tanto precisam. Seriam eles sortudos? Acredito que sim. Pois na verdade, nem sempre isso acontece, já que a maioria dos idosos não querem sair do interior para morar na cidade grande e as creches e escolas infantis são realmente caras na China e claro, a maioria da população não tem como sustentar isso. A solução? Deixar as crianças com os avós no interior. 

Quando cheguei na China pela primeira vez e comecei a conhecer mais sobre a cultura do país, achei que histórias assim eram coisa do passado. Mas cada vez mais me convenço de que ainda faz parte da realidade de muita gente. E assim como para nós ocidentais, o Natal é tão esperado, é a época de reunir a família e agradecer, para os chineses, o Ano Novo Lunar tem o mesmo sentido e com um toque ainda mais especial, pois é o único momento do ano em que muitos deles podem voltar para casa e rever toda a família, a tão adorada família. 

SaveMe!
12 janeiro, 2017
Ano Novo Chinês | O ano do Galo está chegando
Cultura, Curiosidades, LIFESTYLE

Nǐ hǎo,

Primeiramente, desejo um Feliz 2017 à todos leitores!

Nós já estamos em clima de novo ano, mas para os chineses, 2017 ainda não chegou. O Ano Novo Chinês ocorre em uma data diferente a cada ano, pois é baseado no calendário lunar. Neste ano cairá no dia 28 de janeiro. Ou seja, o ano do macaco chega ao fim e dá espaço ao ano do galo. O animal do ano é definido de acordo com o ciclo do zodíaco chinês que conta com 12 animais diferentes (neste post eu conto como eles foram escolhidos, segundo a crença chinesa).

As comemorações começam no dia 27 de janeiro e normalmente duram de uma a duas semanas. Esse feriado – chamado de Chūnjié (春节) ou Festival de Primavera – é o mais longo da China e todo mundo se prepara para viajar. Agora, imagina: 1,4 bilhões de pessoas de um mesmo país se movimentando ao mesmo tempo! Os aeroportos, estações de trem e estradas ficam lotados, é um verdadeiro caos. Não é a toa que esse época do ano é considerada a temporada de viagens mais movimentada do mundo e os chineses tem até um nome para isso: Chūn yún (春云) que significa “movimento da primavera”. Segundo a imprensa internacional, no último ano foram registradas 2.9 bilhões de pessoas transportadas dentro da China. Tem noção do que é isso!?

chun yun ano novo chines

Ok, mas e como essa data é celebrada? Já contei as tradições neste post sobre o último Ano Novo Chinês, mas é sempre bom relembrar e compartilhar novos conhecimentos.

ano novo chines fogos de artificio cidade proibida beijing

• DECORAR AS RUAS, PRÉDIOS E CASAS: nas semanas que antecedem o Festival de Primavera já começamos a ver as ruas, casas, os shoppings e prédios comerciais enfeitados. Praticamente tudo a nossa volta recebe ornamentos vermelhos e amarelos e característicos ao animal do ano, nesse caso, o galo. O ornamento mais comum são as lanternas vermelhas, um dos símbolos da cultura chinesa. Além de dísticos e letreiros. Nest post eu explico mais sobre cada item de decoração usado pelos chineses.

REUNIR A FAMÍLIA NUM JANTAR ESPECIAL: essa é a época do ano que todo chinês volta para casa na sua cidade natal. Durante a noite de Ano Novo toda a família se reune em volta da mesa para fazerem juntos a refeição que eles consideram a mais importante do ano. Peixe e guioza não podem faltar de jeito nenhum.

SOLTAR/ASSISTIR FOGOS DE ARTIFÍCIOS: embora os fogos sejam proibidos na maioria das cidades chineses, devido á poluição, os shows de fogos de artifícios são dignos de comercial. Os chineses acreditam que o barulho dos fogos espanta os espíritos ruins e quanto mais bonitos e duradouros, mas sorte trarão ao novo ano. A comemoração oficial acontece em Beijing, em frente a Cidade Proibida e o show incrível de fogos é transmitido pela CCTV para todo o país.

ENTREGAR ENVELOPES VERMELHOS: os envelopes vermelhos recheados com notas de dinheiro simbolizam o desejo de boa sorte e fortuna. São entregues, principalmente, às crianças e jovens da família. Na era da tecnologia, há aplicativos com envelopes vermelhos simbólicos onde as pessoas podem trocar dinheiro de forma online.

LIMPAR A CASA: a tradição de varrer a casa antes da chegada do Ano Novo espanta as coisas ruins. Mas a casa deve ser varrida antes da noite de Ano Novo. Eles acreditam que limpar a casa nos primeiros dias do novo ano pode levar embora as coisas boas que recém chegaram.

O ANO DO GALO

ano novo chines galo ouro

O galo é o décimo animal do zodíaco chinês. Pessoas que nasceram nos anos: 1921, 1933, 1945, 1957, 1969, 1981, 1993, 2005 e 2017 são considerados galos. E por mais contraditório que pareça ser, a crença chinesa diz que o ano do galo não é um bom ano para quem nasceu no ano do galo. Se você é galo, aqui vão algumas dicas para atrair a sorte e evitar o azar.

Cores e números da sorte: amarelo, dourado e marrom; 5, 7 e 8.

Evitar cores e números: vermelho; 1, 3 e 9.

E já que estou na China, tento seguir as principais tradições (não custa nada né!? Vai que traz muita boa sorte no novo ano lunar…). E você, segue ou seguiria essas tradições chinesas?

13 fevereiro, 2016
Ano Novo Chinês | O que rolou na véspera – pratos, presentes e decorações
Cultura, Curiosidades, LIFESTYLE

Já escrevei sobre as tradições e superstições, sobre as cores e sobre as decorações de Ano Novo Chinês aqui no blog, recentemente. E para finalizar a semana de posts sobre o tema, afinal o feriado de sete dias está chegando ao fim, decidi reunir algumas imagens que apareceram na minha timeline do Instagram e do Wechat. Ou seja, separei fotos postadas na véspera de Ano Novo, por amigos e conhecidos chineses. A cada imagem que eu via, eu me sentia fazendo parte daquele momento e consegui compreender melhor o modo como eles celebram esta data e o que é realmente importante para eles. Por isso, achei interessante compartilhar com vocês, que me acompanham aqui e que gostam de, junto comigo, conhecer um pouco mais da cultura chinesa.

Na mesa de jantar da véspera, não pode faltar peixe. Ouso dizer que ele é o prato principal da noite. Peixe, que em mandarim se traduz “yu”, tem a mesma fonética que a palavra “extra”, portanto, os chineses acreditam que comer peixe na véspera de ano novo, traz “sobras”. E sobra é coisa boa – dinheiro de sobra, sorte de sorte, saúde de sobra… Resumindo, o peixe simboliza a prosperidade.

E ele é servido assim, com cabeça e rabo. Alias, os chineses não veem graça em comer apenas filé de peixe, gostoso é comer ele inteiro. Em algumas regiões, os peixes são servidos com muito molho, como o da segunda foto.

mesa de jantar vespera ano novo chines

prato chines peixe

O que não pode faltar também é jiaozi, nome em chinês da guioza, que é um pastelzinho recheado com carne de porco e verduras. O jiaozi simboliza fortuna, pois tem formato semelhante aos papelotes de ouro usados antigamente na China.

O vinho ou qualquer outra bebida alcoólica representa a longevidade, vida longa. Álcool, em mandarim, é “jiu” e tem a mesma pronúncia que “muito tempo”.

prato chines fit jiaozi guioza

vinho bebida ano novo

O Ano Novo Chinês, para os chineses, é como o nosso Natal. Tempo de reunir a família e celebrar. Os chineses que moram fora da sua terra natal, voltam para casa, para passar a data com a família. Por isso, este feriado é considerado o maior deslocamento de pessoas do mundo. Abaixo minha amiga Yvq com parte da família, numa cidade do interior da China.

Ah, e reparem nos looks vermelhos – essa é a cor da sorte e da fortuna, como já comentei por aqui algumas vezes.

celebrar ano novo chines vermelho familia

Meu noivo, Rodrigo, passou a véspera de ano novo no batente, junto com a tripulação. E como a tradição manda usar vermelho, as comissárias vestiram lenços vermelhos por cima do uniforme. Na foto, as duas do meio fazem o sinal de “Gōngxǐ fācái” que em uma tradução livre significa “desejo um próspero e rico ano”.

IMG_8971

Minha amiga Alone (sim, esta é o nome ocidental dela) mostrou todo o dinheiro que ganhou dentro dos envelopes vermelhos. É tradição os chineses presentearem familiares e pessoas próximas, especialmente crianças e jovens, com envelopes vermelhos, que vem recheados de notinhas de yuan!

presente ano novo envelope dinheiro yuan

Eu acompanhei as comemorações da virada de ano novo nas cidades grandes, como Pequim e Xangai, pela CCTV, principal canal chinês. E foi linda! Na Cidade Proibida, em Beijing, é onde acontece a celebração oficial e é um show e tanto, com música, apresentações de danças e fogos de artifícios.

Os fogos, apesar de serem proibidos em algumas cidades, por causa da poluição, fazem parte das tradições chinesas de ano novo, pois o povo acredita que o barulho espanta os fantasmas. Em Shanghai, no The Bund, a queima de fogos foi linda!

ano novo chinês cidade proibida beijing dança celebração

decoraçao ano novo chines beijing china

ano novo chines fogos de artificios shanghai

Você acompanhou as celebrações de Ano Novo chinês? Gostou de conhecer um pouco mais da cultura chinesa? Quero saber sua opinião e suas experiências. Divida-as nos comentários :)

 

11 fevereiro, 2016
As cores da sorte de cada animal em 2016, segundo o Feng Shui
Curiosidades, MODA, Tendências

Esses dias li uma matéria muito interessante em um site de moda e lifestyle asiático sobre as cores que cada animal deve usar em 2016 para trazer sorte. Quando digo animal, me refiro ao animal que cada um é, de acordo com a data de nascimento no zodíaco chinês (confira qual animal você é aqui).

Bom, matérias como essa rolam aos montes pela internet e em revistas de moda e aí surge a pergunta: quem são essas pessoas que definem a cor da roupa que devemos usar, de acordo com o nosso signo, ascendente, ano de nascimento ou sei lá o que mais? Com base em quê elas chegam a conclusão de uma cor que vai nos trazer sorte?

Nesse caso, consultando um mestre de Feng Shui! O Feng Shui é uma arte chinesa milenar, que tem por objetivo organizar e harmonizar espaços, de modo que conservem a energia positiva e beneficiem seus usuários. O especialista nessa arte pode indicar como organizar e decorar sua casa, qual o melhor dia para você se casar, quando cortar o cabelo e pode também ser seu personal stylist.

Na dúvida, se as indicações do Feng Shui funcionam ou não, não custa nada tentar (eu acredito!). Depois de verificar aqui qual animal você é, confira as suas cores da sorte para este ano:

• Rato – amarelo/dourado, azul e branco

Cores look sorte Rato

 

 

• Boi – Vermelho, verde e amarelo

Cores sorte Boi

 

• Tigre – Vermelho, azul esverdeado e bege

Cores sorte tigre

 

 

• Coelho – Amarelo, preto e verde

Cores look sorte coelho

 

 

• Dragão – rosa, azul e branco

 

cores look sorte dragão

 

 

• Cobra – preto, verde e vermelho

cores look sorte cobra

 

 

• Cavalo – rosa, azul claro e branco

cores look sorte cavalo

• Cabra – preto, vermelho e amarelo

cores look sorte cabra

 

• Macaco – Vermelho, azul claro e branco

cores look sorte macaco

 

• Galo – Bege, azul esverdeado e preto

cores look sorte galo

• Cachorro – azul, vermelho e bege

cores look sorte cachorro

• Porco – Vermelho, preto e branco

cores look sorte porco

 

Fonte: Lifestyle Asia

» E aí, quais são as suas cores?

Eu sou dragão e super adorei minhas cores da sorte. Vou já aderir aos looks com rosa, azul e branco!

Zài jiàn! 

 

10 fevereiro, 2016
Ano Novo Chinês | 2016, o ano da macaco
Cultura, Curiosidades

O carnaval terminou no Brasil e o Ano Novo Chinês já chegou na China, portanto, tenho a impressão que 2016 finalmente começou pra valer! De acordo com o zodíaco chinês este é o ano do macaco. O macaco é considerado uma animal esperto, inteligente e astuto. Portanto, 2016 deve ser um bom ano para negócios e também de muitas mudanças, especialmente para quem é macaco… quero dizer, para quem nasceu no ano do macaco.

ano novo chinês animal macaco china

Ao total, são 12 animais no zodíaco e o macaco é o nono da lista. Como esses animais foram escolhidos? Bom, os chineses tem uma história para explicar como eles foram selecionados e ordenados (claro, eles sempre tem uma histórinha para tudo).

Conta-se que há milhares de ano atrás, o Imperador de Jade quis designar os animais mais velozes da terra para o calendário, e para isso, organizou uma corrida. Nesta época, o gato e o rato eram bons amigos, mas ambos eram meio preguiçosos e estavam dormindo no momento da corrida. Dada a largada, o páreo foi duro, mas o boi chegou em primeiro lugar. Ou quase. No momento da corrida, o rato estava dormindo na cabeça do boi e foi considerado o primeiro animal a atravessar a linha de chegada. Depois veio o tigre, o coelho, dragão, cobra e assim por diante, até o último animal, o porco. E o gato, dorminhoco, ficou fora da lista. “Fora da lista?” Pensou o gato. Ele não se conteve e foi brigar com o rato, por ele não ter chamado o amigo para participar do corrida. Sim, a parte que eu considero a mais engraçada (e sem noção da história) é que o gato, até hoje, persegue e quer matar o rato por causa dessa corrida. Acredita? E isso só comprova mais ainda o egocentrismo do chinês de achar que os gatos e ratos não se suportam, por causa de uma história criada por eles….

Tom e JerryTom e Jerry (amo!) retratam muito bem essa história chinesa!

Mas enfim, eu ouvi essa história de algumas amigas chinesas e depois fui checar na internet. E não é que vários sites contam a mesma coisa?! Não se sabe, exatamente, se o rato não chamou o gato para a corrida, de próposito ou por esquecimento. Parece história infantil, mas sabe… acho que, no fundo, eles acreditam que seja verídica.

E vamos a parte que interessa: a lista dos “vencedores”!

Aproveite para conferir qual animal você é, de acordo com o ano de seu nascimento.

animais calendario lunar ano novo chines china animais calendario lunar china ano novo chines macaco

Pessoas que nascem no ano do macaco são consideradas espertas, sociáveis, auto confiantes e inovadoras, mas também arrogantes e egoístas. Porém, devido à sua inteligência e outras características positivas, os chineses gostam de crianças nascidas no ano do macaco. Portanto, preparem-se para ver muitos chineses recém nascidos em 2016!

Até porque, dizem que as crianças nascidas no ano do galo e do cachorro (os próximos da lista), são muito inquietas. Isso porque, há um ditado em mandarim que significa “bagunça, desordem” e as palavras do ditado tem a mesma pronúncia que galo e cachorro em chinês. Superstições, superstições….

Eu nasci em 88 e sou dragão, o 5º da lista. E você? Conte qual animal você é aqui nos comentários :)

 

08 fevereiro, 2016
Ano Novo Chinês | Meu look vermelho e amarelo
Look do Dia, MODA

E com a chegada do Ano Novo Chinês, agora finalmente me sinto em 2016 kkkkk Xin Nián Kuàilè

Além de todas as tradições e superstições que os chineses levam tão a sério nesta data, o look usado na noite véspera de Ano Novo também merece uma atenção especial. Assim como nós associamos a cor branca com paz, amarelo com dinheiro, vermelho com paixão, rosa com amor e assim por diante, os chineses também acreditam que as cores tem um significado importante, especialmente, na virada de ano. Mas os significados são beeem diferentes dos nossos.

A começar pelo branco. Nã na ni na não, a cor que nós brasileiras amamos usar no Ano Novo, não é bem vinda por aqui nesta ocasião. Acredita-se que o branco atrai fantasmas e isso, claro, não é um bom sinal.

A cor mais amada é a vermelha. O vermelho é auspicioso, traz boa sorte e fortuna. E, segundo conta a antiga história chinesa de Ano Novo, é a cor que espanta os monstros. Por isso, tem que usar algo vermelho para esperar o novo ano, nem que seja a lingerie. O amarelo também é queridinho, ele simboliza ouro e riqueza. Os chineses adoram cores vivas e chamativas.

Na noite de ano novo também é importante usar roupas novas, pois os chineses acreditam que as coisas novas e limpas trazem energias boas para o novo ano.

E no meu look de Ano Novo Chinês vesti as duas cores mais amadas e da sorte: vermelho e amarelo. Para não ficar chamativa demais e nem parecer um arco íris ambulante, escolhi uma calça cor neutra. Na dúvida de qual cor usar, já que branco não é aconselhável, vai de pretinho básico mesmo.

detalhes look do dia ano novo vermelho e amarelo

look do dia sorriso calça couro vermelho amarelo

look do dia camisa vermelho blazer amarelo zara

look do dia ano novo chinês vermelho amarelo

Camisa e calça Bershka | Blazer Zara | Bota Vizzano | Brinco Forever 21 | Anel Chatuchak Market Bangkok | Óculos Marc by Marc Jacobs (compre aqui)

Destaque para o cenário todo decorado com lanternas vermelhas e peônias <3 Gostaram do look? Deixe seu comentário aqui ↓

E Feliz Ano Novo Chinês! 

 

 

05 fevereiro, 2016
Ano Novo Chinês | Decoração nas ruas para a chegada do ano do macaco
Cultura, Curiosidades, LIFESTYLE

O que mais me encanta com a chegada do Ano Novo Chinês é, como cada cantinho ganha vida, com pequenos enfeites e detalhes que, juntos, decoram o ambiente das casas e cidades, criando um clima mágico.

E adivinha qual é a cor principal?! O vermelho, claro! Não é só no look de Ano Novo que os chineses costumam usar vermelho, mas também na decoração das casas, prédios, lojas comerciais, shoppings e ruas. Eles consideram esta, uma cor auspiciosa, que traz boa sorte e fortuna. Além do vermelho, muito amarelo e dourado, que representam ouro.

O principal item de decoração são as lanternas, dos mais diversos formatos e tamanhos, que estão penduradas por toda parte. Aliás, é muito comum ver as lanternas sendo usadas como enfeites, nos principais festivais da China. No cair da noite, elas se acendem e deixam o cenário ainda mais bonito. Recortes de papel vermelho são comumente encontrados nas portas dos prédios e das casas (para espantar o Nián seria um dos motivos). E até na dos armários. Aqui em casa, alguns ficaram de herança da antiga moradora rsrs E como 2016 será o ano do macaco, os recortes de papel ganham desenhos de macacos. São macaquinhos por toda a parte – em esculturas, bonecos infláveis, bichos de pelúcia…

lanternas ano novo chines decoracao

acessorios ano novo chines venda vermelho dourado

recortes de papel decoraçao ano macaco portas

ano do macaco china pelucia

As flores também tem seu papel importante no decoração de Ano Novo, principalmente a peônia, que é considerada a flor da riqueza e da sorte. São tão bem vindas, que aqui no jardim do condomínio onde moro e em outras partes da cidade, peônias de plástico foram amarradas junto a galhos secos de árvores. Deu um efeito super fofo. Também tenho visto muitos vasos grandes com orquídeas (minhas preferidas), especialmente roxas. As orquídeas simbolizam a perfeição, a integridade e a amizade.

Outro tipo de decoração bem diferente que me chamou a atenção foram as pequenas árvores de kumquat. Kumquat é uma fruta cítrica bem parecida com a laranja, mas de tamanho menor. Em mandarim, kumquat se chama “jin ju shu”. Jin tem a mesma pronúncia que “ouro” e o nome tem um carácter semelhante ao carácter da palavra “sorte”. Portanto, a kumquat é sinônimo de riqueza e sorte. Diz-se que essa fruta é bem comum no sul da China e eu vi muito em Hong Kong, na semana passada.

decoracano ano novo chines lanternas peonias

flores peonias orquideas ano novo chines

kumquat planta ano novo chines

Outra prática super comum, uma tradição na verdade, é entregar envelopes vermelhos com dinheiro dentro para seus familiares, especialmente crianças. Por isso, envelopes vermelhos com escritas e desenhos em dourado é o que mais se encontra à venda em estabelecimentos comerciais, nesta época do ano.

tradicao ano novo chines envelope vermelho dinheiro

Meses antes do Ano Novo Chinês, você já vê os lugares enfeitados com todos esses acessórios – vermelhos, principalmente, muito provavelmente por causa do Natal e do Ano Novo gregoriano. Mas, são cerca de 10 dias antes do feriado de Ano Novo Chinês que as pessoas começam a decorar suas casas para valer, assim como os prédios comerciais e as ruas. E aí sim que a cidade fica encantadora. O chinês pode ser um povo com muitos defeitos  (que, na verdade nós consideramos defeito, mas o fato é que são apenas culturas e comportamentos muito diferentes) mas o carinho e o cuidado que eles tem com cada detalhe, tanto com a decoração quanto com os costumes, são de se admirar.

鑫年快乐 Xīn nián kuàilè (Feliz Ano Novo)!

 

03 fevereiro, 2016
Ano Novo Chinês | História, tradições e superstições
Cultura, Curiosidades

Enquanto no Brasil é hora de pular carnaval, aqui na China, o povo comemora o Ano Novo Chinês. Época do ano em que acontece o maior movimento de migração da face da terra. Sim, pois estamos falando do maior feriado do país mais populoso do mundo: a China!

chinese new year 2016 china

A data do Ano Novo Chinês muda a cada ano, pois é baseado no calendário lunar. Desta vez, o Ano Novo será comemorado no dia 07 de fevereiro, mas o feriado (estipulado pelo governo) começa no dia seis e dura uma semana, até 13 de fevereiro. A virada de ano sempre cai na segunda lua nova após o solstício de inverno, na chegada da primavera. E por isso o feriado de Xīn Nián, 新年 (xīn – novo; nián – ano) é também chamado de Chūn Jié, 春节 ou Festival da Primavera. O dia do Ano Novo é chamado de Guo Nián, 过年, que, em mandarim, pode significar “celebrar o ano” ou “superar o monstro”. A palavra “nián”, além de significar ano, é também o nome do monstro que deu origem à essa celebração. É isso mesmo, monstro!

A história é a de que há centenas de séculos passados, havia um monstro chamado Nián. Ele morava no fundo do mar durante o ano inteiro e só saía de baixo d’água na véspera de Ano Novo, para caçar pessoas e animais das aldeias vizinhas. Então, o povo se escondia nas montanhas, enquanto o monstro destruía as aldeias. Certa vez, um velho de cabelos brancos chegou a aldeia e se negou a subir para as montanhas. Ao invés disso, ele enfeitou a aldeia com papéis vermelhos nas portas, vestiu roupas da mesma cor, acendeu velas nas casas e preparou pedaços de bambu para fazer estalos (como se fossem fogos de artifícios). E sabe o que aconteceu? O monstro não apareceu. Por isso, até os dias de hoje essas tradições são mantidas. E enfeitar as portas com mensagens e desenhos em papel vermelho, pendurar lanternas e soltar fogos de artifícios são maneiras bem comuns de comemorar o Ano Novo. Aliás, são costumes, praticamente, obrigatórios para quem deseja um ano novo de muita sorte, segundo acreditam os chineses.

cultura chinesa ano novo vermelho lanternas luzes

Ano novo china fogos de artificio

 

Mas as superstições não param por aqui. Basta você pesquisar um pouco sobre o assunto, que vai encontrar inúmeros tabus do que pode e não pode fazer durante o Ano Novo Chinês e fica difícil saber exatamente quais costumes ainda estão em voga e quais já se perderam com o passar dos séculos. Mas vou citar mais alguns que ouvi dos próprios chineses, ou seja, são mantidos e seguidos a risca até os dias de hoje:

• Roupas

É totalmente inadmissível usar roupas brancas na noite de Ano Novo, porque o branco atrai fantasmas. A cor mais indicada é, claro, o vermelho. O vermelho é uma cor viva, que traz sorte e fortuna.

detalhe flor vestido vermelho delicado

• Limpar a casa

A casa pode ser varrida e limpa um dia antes do Ano Novo ou somente depois que termina o feriado, é até sugerido fazer isso, para varrer para fora as coisas ruins. Já limpar a casa durante o feriado de Ano Novo não pode, pois leva embora as boas energias trazidas pelo novo ano.

• Desejos

No primeiro dia do ano, é importante desejar aos familiares: Gōngxǐ gōngxǐ (Parabéns) ou; Xīnnián kuàilè (Feliz Ano Novo) ou; Gōngxǐ fācái (desejo fortuna). São sinais de sorte.

• Evitar costumes que trazem azar

Falar palavras com sentido ruim, chorar, quebrar louças e lavar o cabelo (?) são sinais de má sorte. Lavar o cabelo tem o mesmo significado que varrer o chão, leva embora as coisas boas trazidas pelo ano novo.

• Jantar da véspera

Uma das coisas mais importantes na noite de Ano Novo é a comida. Os chineses que moram fora de sua cidade natal, costumam retornar para casa nesta data e é hora de reunir a família na mesa e fazer uma grande refeição. Não pode faltar dumplings, que em português chamamos de guioza, peixe e nem vinho. Comer estes alimentos é mais do que uma tradição, é superstição. A guioza, por ter o formato de antigas peças de ouro e prata, traz fortuna. O peixe, que em mandarim é “yu” tem a mesma pronúncia que prosperidade, portanto, traz prosperidade. E vinho, que é “jiu”, tem o mesmo som que longevidade.  E próximo da virada de ano e nos dias seguintes, é hora de soltar os fogos de artifícios. Mas não são quaisquer fogos, não. Quanto maior a quantidade e quanto mais bonitos os fogos, mais sorte e fortuna para quem os soltou.

Bom, estes são apenas algumas superstições, dentre tantas. Chinês é um povo que leva a sério as tradições e, além de serem várias superstições, estas são bem intensas. Ah, é importante citar que, cada ano corresponde a um animal. O ano de 2015 foi o da ovelha e 2016 será o ano do macaco. Mas esse assunto eu deixo para o próximo post…